11 November 2007

Fantastic Fanning!

Mick Fanning 2007 nº1!
(Photo: Tostee/Covered Images)

Uma vitória que há muito lhe fugia das mãos, mas o Cristo brasileiro foi factor de sorte para um Fanning on fire!
Depois de um ano em que vinha a consolidar a sua liderança, o surfista australiano Mick Fanning foi consagrado campeão mundial de 2007, mesmo antes de ter de enfrentar os seus rivais mais directos nas ondas do Hawaii.
O Hang Loose Santa Catarina Pro, que decorreu no Brasil, ficará para a memória de Fanning quando, preparando-se para enfrentar o seu amigo de infância Joel Parkinson, Taj Burrow foi eliminado por Tom Witaker nas semi-finais, selando o ano ao australiano.
"Quando acordei esta manhã, estava com um bom feeling de que este seria o dia", disse Fanning no final do evento que tratou de levar até ao fim e também ganhar.
Depois de anos de monopólio do título por parte de Kelly Slater e de Andy Irons, a vitória este ano de Mick Fanning marca a primeira vitória do Tour por um australiano desde Mark 'Occy' Occhilupo em 1999.
"Seguir as pisadas do Oc é incrivel", considera o surfista, não deixando de ter muita consideração pelos seus oponentes mais directos: "Ele [Occy] é simplesmente uma lenda do desporto. Ele tem um caracter muito especial e é um homem muito cool! Tenho estado em tour com o Andy e ele também é um surfista muito determinado e eu estive lá na sua primeira vitória do título. E depois, há o Kelly - o homem que deu inspiração a todos os miúdos que fazem hoje surf, ele é fantástico"
Perdido de contentamento com o momento, Mick não deixou de relembrar o seu irmão (que morreu num acidente automobilístico): "Foi tão bom estar lá fora [na semi-final] com o Joel e havia um golfinho conosco. Não tenho a certeza se não seria o meu irmão... Todos os heats que tive neste campeonato, estava sempre um golfinho no lineup".
Fanning parte agora para o Hawaii mais leve de espírito e pronto a apenas se divertir até ao fim do ano.