27 June 2012

Surf de piscina • Pool surf




Começou por ser a resposta dos países quentes e sem praia. As piscinas de ondas nasceram para trazer o mar às cidades. Mas onde há ondas, há pranchas de surf e rapidamente começaram a surgir novos projetos de e para surfistas.
Dubai, Japão, Espanha, todos com as suas piscinas, e a mais recente campanha da Globe que chegou mesmo a fazer a capa da Surfing.
Estaremos a chegar a um mundo onde as ondas e os sets são programados ao minuto, bem como a sua frequência e tamanho?
Durante décadas os surfistas sempre sucumbiram à vontade dos oceanos, afirmando: “isto não é como um ginásio”. Mas hoje poderemos estar à beira de bater na boca, porque está mesmo a tornar-se num ginásio.
Mas estaremos dispostos a perder aquela sensação especial de olhar para o horizonte, com o coração a bater, tentando reconhecer ao longe o set a formar-se? Estaremos dispostos a prescindir da sensação sensorial da força do oceano?
As piscinas de ondas podem ser um refúgio para quem não tem oportunidade de ir à praia, mas qualquer surfista não o é se não ganhar aquela ligação especial com o oceano. Uma ligação para a vida e que transforma o ser. Nenhuma piscina consegue fazer isso.

It began as the response of hot countries, with no beach. The wave pools were born to bring the sea to the cities. But where there are waves, there are surfboards and quickly began to emerge new projects from and for surfers.
Dubai, Japan, Spain, all with their pools, and the latest Globe campaign that even made the cover of Surfing.
Are we coming to a world where the waves and the sets are scheduled to the minute, as well as their frequency and size?
For decades, surfing has always succumbed to the will of the oceans, with surfers saying: "this is not like a gym." But today we may be on the verge of hitting our mouths, because it's really becoming a gym.
But are we willing to lose that special feeling of looking at the horizon, with heart pounding, trying to recognize at distance the set forming? Are we willing to dispense the sensory sensation of the force of the ocean?
The wave pools can be a refuge for those who have no opportunity to go to the beach, but a surfer is not a surfer if he doesn’t establish that special bond with the ocean. A link for life, that transforms the being. No pool can do that.

No comments: